Estudos

Sem sacrifício, sem Reino dos Céus. Não se deixe enganar.

Existe uma diferença muito grande entre a vida com Deus e a vida escrava nas mãos do diabo. Se essa afirmação não lhe é muito clara, então farei o possível para que lhe fique claro agora. A vida cristã sempre será de sacrifício, até morte ou até a vinda de Jesus. Sem a vida sacrificial não há como alcançar a vida eterna.

Como é o homem que a vida nas mãos do diabo? É um inferno. O diabo está o tempo todo usando-o, se propondo ser seu “guia”; Mas na verdade só o guia para a desgraça, para vida maligna.

O diabo usa as paixões humanas, o guiando para bebedices, orgias, drogas, invejas, levando a depressão, mutilações, desejo de suicídio e todas outras possessões malignas, além de uma cegueira espiritual constante. Quem tem a vida nas mãos do diabo deseja enxergar a luz, mesmo que essa luz seja as de vela. Por isso, o diabo os “guia” para luz de velas para as almas.

Aquele tem o diabo como guia, é cego. E essa cegueira o impede de ver por exemplo que o casamento que está vivendo é um inferno, com brigas constantes, ofensas, agressões com ameaças de morte entre outras, uma desgraça total.

Encontramos pessoas que dizem ter seus “guias”, mas que são guiadas para uma vida infernal. Uma vida dependente do diabo. E além disso, mesmo que o guiado consiga perceber que a vida é uma desgraça, o diabo o ameaça para que esse pacto não se desfaça. E isso está acontecendo agora. O diabo trás momentos de facilidade e paz, logo depois vem as desgraças, se tornando um círculo vicioso.

E o diabo sempre colocando o peso das “obrigações” para que a bonança volte, tornando o seu “guiado” uma vida de escravo.

Já na vida cristã, o cristão sabe ou deveria saber, que a sua vida é de sacrifício, para alcançar a solução dos problemas, para o encontro com Deus, para receber o Espírito Santo, toda nossa conquista é sacrificial. E isso nós vemos o tempo todo na palavra de Deus, com o povo de Israel, com os heróis da fé, com os patriarcas e principalmente com os apóstolos, que abriram mão de suas vidas em defesa e propagação do Evangelho, que o fez chegar até nós hoje.

Então, fuja de qualquer orientação, por mais bonita que seja, que as conquistas da vida cristã vão acontecer automaticamente, como por exemplo ser batizado com o Espírito Santo. Por que a própria entrega da vida ao Senhor Jesus, já começa requerendo o sacrifício de abrir mão de toda vida mundana, de seus conceitos e valores.

//
O próprio Senhor Jesus disse em Mateus 11:12 na versão ARA (Almeida Revista e Atualizada) assim:
Desde os dias de João Batista até agora, o reino dos céus é tomado por esforço, e os que se esforçam se apoderam dele.
//
Ou seja sem sacrifício, sem Reino dos Céus.